regras icms

A Blitz Lingerie trabalha em total convergência com a lei ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). No dia 01 de Abril de 2011 alguns Estados começaram a cobrar o ICMS de consumidores que realizam compras não presenciais (lojas virtuais).

Você cliente que não possui CNPJ verifique as regras de seu Estado referente a diferença de ICMS. Estes valores são recolhidos pelo cliente através de guia código 1120, para liberação junto à transportadora, Correios. Este custo referente ao Imposto (ICMS) obrigatoriamente será pago pelo cliente, conforme a legislação do seu Estado de entrega do pedido.

Lembre-se, você que não possui CNPJ e compra grandes quantidades está sujeito a ser cobrado por ICMS em eu estado. A cobrança é realizada por um fiscal que encara que a compra da grande quantidade de lingerie é para revenda e por isso, como pessoa física não contribui com ICMS eles fazem a devida cobrança. Nossa empresa não tem responsabilidade sobre este fato caso ocorra. 

Aconselhamos você que é pessoa física e compra grandes quantidades de lingerie para revenda que abra um CNPJ MEI. Hoje é super fácil, e poder ser feito através da internet. Deste modo você poderá efetuar compras como pessoa jurídica e não ter problemas com barreiras fiscais em seu estado ao receber mercadorias.